Sexta-feira, 22 de Setembro de 2017

Buscar   OK
Quem Somos

Nossa Missão, é nos parecer com Jesus! Emanar Graça, Misericórdia, Compaixão e Amor, e pra isso temos nos dedicado a cuidar de pessoas, temos concluído que o 1º maior problema da humanidade é o pecado e o 2º é o espírito de religiosidade que tem pouco apreço pelas pessoas, por isso gostaríamos que continuasse a ler o texto onde irá encontrar os fundamentos de nossa visão e no final tem um questionário que irá lhe ajudar à (como nos) viver os propósitos de Deus: Adoração, Comunhão, Evangelismo, Serviço e Discipulado.

Uma das trágicas consequências da contaminação religiosa na vida dos filhos de Deus.

Cansaço e exaustão - estresse

O mundo da época de Jesus estava dominado pela religiosidade. Esse espírito operava com uma força violentíssima, a ponto de cegar os judeus em relação ao próprio Messias, pelo qual tanto esperavam. Após ensinar nas mais diferentes sinagogas de Israel, o texto bíblico relata: "Vendo ele as multidões, compadeceu-se delas, porque estavam aflitas e exaustas, como ovelhas que não tem pastor" (Mt 9.36). No original grego, a palavra aflição (ekluo) quer dizer "ter alguém com a força relaxada, afrouxada, cansada até exaustão, perder as esperanças". Já a palavra exaustão (grego rhipto) quer dizer "derrubar, lançar ao chão, prostar". Em que triste situação encontrava-se esse povo: sem forças, prostrados e desesperançados! Veja o que a religiosidade pode fazer. Com base no versículo 35, essas multidões aflitas e exaustas não eram os ímpios e incrédulos da época, mas membros ativos das sinagogas judaicas (Igrejas). De fato, quando Jesus inicia o seu ministério, o povo de Deus estava esgotado. Mas o que é alguém cansado, exausto ou mesmo esgotado? O dr.Herbert Freudenberger descreve a pessoa nesse estado: "Alguém que está num estado de fadiga ou frustração em consequência de sua devoção a uma causa, seu estilo de vida, seus relacionamentos, coisas que não lhe trouxeram a recompensa esperada". Malcon Smith também comenta: "Quando um crente se queima, foram seus recursos humanos que se exauriram. A zoe infinita de Deus jamais pode chegar à exaustão. Já que ele vive em cada um de nós e é a vida de cada crente, a queima espiritual é causada pela incapacidade do crente de descansar no fluxo da vida, e de receber essa vida que dele emana continuamente". Caminhando um pouco mais adiante, Jesus dirigiu-se às ovelhas de Israel dizendo: "Vinde a mim todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve" (Mt 11.28-30). De algum modo, os homens transformaram nossa relação com Deus, que deveria ser leve e suave, em algo enfadonho e estressante. Note a palavra "sobrecarregados". Uma "sobrecarga" significa colocar sobre alguém uma "carga" além de suas forças, ou seja, mais carga do que deveria haver. A religiosidade é essa sobrecarga. É um fardo espiritual que vai roubando as nossas forças até a completa exaustão. Essa realidade foi denunciada por Jesus, quando disse: "Ai de vós também, interpretes da lei! Porque sobrecarregais os homens com fardos superiores às suas forças, mas vós mesmos nem com um dedo os tocais" (Lc 11.46). mas por que, mesmo sendo cristãos em Jesus, corremos o risco de colocar sobre as pessoas e sobre nós mesmos fardos que ele não autoriza? Não sei se percebeu lendo os evangelhos, mas os fariseus se achavam muito mais "crentes" e "espirituais" do que Jesus. O mestre foi acusado por eles de não guardar os sábados, de ser beberrão, glutão e ainda amigo de pecadores (Lc 7.34). Não tenho duvidas de que muitos de nós, embora inconscientemente, cometemos esse mesmo erro dos fariseus: achamo-nos mais crentes do que Jesus! É assustador o que vou dizer, mas é exatamente isto: o espírito da religiosidade leva-nos a pensar que somos mais crentes do que Deus! Quando assumimos um radicalismo que nos adoece e também àqueles que estão ao nosso redor, sem que percebamos, distanciamo-nos do evangelho de Jesus, que objetiva trazer alivio e descanso para as almas. Incorporamos um radicalismo que não foi visto em Jesus. Foi ele quem afirmou: "O meu fardo é leve e o meu jugo é suave". Enquanto o fardo de Jesus foi leve, o nosso é pesado, sabe por quê? É como se estivéssemos dizendo, ou pensando, exatamente como os fariseus: "Ele não é tão espiritual quanto eu, as minhas regras são muito mais rígidas e pesadas!" O evangelho contaminado pelo fermento mortífero da religiosidade, ao invés de trazer saúde, alegria, gozo, descanso, traz ira, dor, tristeza, isolamento, cansaço, fadiga e exaustão. Salomão declara: quando escreve no livro de Eclesiastes: "Não sejas demasiadamente justo, nem exageradamente sábio, por que te destruirias a ti mesmo? (Ec 7.16). aqui fica a interrogação: ser demasiadamente justo ou sábio não seria algo muito bom? Não seria agradável a Deus? Por que Salomão afirmou que isso pode ser um caminho de ruína em nossas vidas? O fato é que se trilharmos o caminho da "auto-santificação", "auto-justificação", "auto-confiança" etc., com o tempo nos cansaremos. Se persistirmos nesse esforço para agradar a Deus segundo os nossos padrões de perfeição, impostos pelos homens, podemos finalmente chegar a um estado de completa exaustão. Falando aos lideres, Larry Crabb comenta: A necessidade de ser um exemplo de maturidade cristão pode levá-los ao orgulho ou a um colapso nervoso".  

 

Restaure os relacionamentos profundos

Quando Deus criou o universo, Ele declarou que tudo era bom. Acima de tudo, Deus estava orgulhoso de sua obra prima: o homem. Tudo era bom... a não ser uma coisa, "Não é bom que o homem esteja só" (Gn 2.18).

Invista em verdadeiras amizades Jesus Tinha a Pedro, Tiago e João como Amigos.

AVALIANDO O SEU GRAU DE CONTAMINAÇÃO

Querido leitor, quero deixar claro que esta auto-avaliação somente terá efeito revelador e transformador em sua vida, caso você a faça a partir de três critérios.

Primeiro, faça-a de coração sincero. Seja, ao máximo, honesto consigo mesmo. Assim, você terá uma "medida" do quanto foi contaminado pela religiosidade e como poderá combatê-la em sua vida; caso contrário, estará enganando a si mesmo e não poderá mudar o curso de sua história.

Em segundo lugar, esta avaliação só terá validade se você tiver um espírito humilde. Humildade é a capacidade de se humilhar e reconhecer suas falhas. Lembre-se: Deus dá graça aos humildes, mas resiste aos soberbos (Tg 4.6). Sem uma devida humildade, você não conseguirá ter uma boa visão de si mesmo. Em último lugar, compartilhe algumas dessas questões com seu cônjuge ou com um amigo. Escolha alguém que lhe conheça ou que caminhe com você, pois somente tal pessoa poderá lhe dar respostas francas e honestas, sem medo de lhe ferir. Muitas vezes, apesar de toda humildade e honestidade, existem áreas em nossa vida que simplesmente não enxergamos. Todos estão vendo, menos a gente. Assim, o resultado será mais preciso se em alguns casos, for avaliado por outro. Indicarei as questões que, obrigatoriamente, você deverá consultar esse alguém. Topas o desafio? Então

vamos lá! Colocarei vinte afirmações na primeira pessoa. Tente se ouvir, como se estivesse falando de si mesmo.

Marque com um "X" se esta afirmativa em sua vida for: Muito forte, forte, médio, pouco ou inexistente.

1 - "Sinto-me cansado e esgotado em minha caminhada cristã. Tenho reclamado muito do estado da igreja e de suas falhas. No fundo, me sinto exaurido. O evangelho se tornou para mim uma sobrecarga".

Este sintoma em sua vida é:

  ( ) Muito forte    ( ) Forte ( ) Médio  ( ) Pouco   ( ) Inexistente

   5                        4             3               2                 0

2 - "Sinto que o Deus a quem sirvo nunca está contente ou satisfeito comigo. Se deixo de fazer algo (oração, por exemplo), ele me condena; mas se o faço, ele também me reprova. É como se dissesse dentro de mim, 'você deveria ter feito mais!'. Dessa forma, nunca estou em paz com Deus". Este sintoma em sua vida é:

 ( ) Muito forte    ( ) Forte ( ) Médio  ( ) Pouco ( ) Inexistente

  5                        4             3               2              0

3 - "Tento ao máximo ser perfeito em minha vida cristã, mas por mais que me esforce, sempre sinto que não consigo atingir minhas expectativas e as de Deus. Por isso, me sinto frustrado espiritualmente". Este sintoma em sua vida é:

 ( ) Muito forte    ( ) Forte ( ) Médio  ( ) Pouco ( ) Inexistente

  5                        4             3               2              0

4 - "Por mais que eu confesse meus pecados a Deus, não consigo sentir-me perdoado. Sempre há um sentimento de 'dívida' que me acompanha". Este sintoma em sua vida é:

( ) Muito forte    ( ) Forte ( ) Médio ( ) Pouco ( ) Inexistente

 5                        4             3               2              0

5 - "Vivo uma vida solitária, de poucos relacionamentos. É como se dentro de mim eu resistisse a uma comunhão profunda com um irmão amigo. Já pensei até que, caminhar sozinho, apenas eu e Deus, seria "mais espiritual". Este sintoma em sua vida é (CONSULTE SEU CÔNJUGE OU AMIGO:

( ) Muito forte    ( ) Forte ( ) Médio  ( ) Pouco  ( ) Inexistente

 5                        4             3               2              0

6 - "Em minha esfera de liderança (ou influência), tenho dificuldades em respeitar os pensamentos que divergem do meu, principalmente vindo daqueles a quem lidero. Acabo machucando estas pessoas ou excluindo-as de minha convivência e ministério. Como se 'pensar diferente' significasse rebelião explícita à minha autoridade". Este sintoma em sua vida é (CONSULTE SEU CÔNJUGE OU AMIGO):

( ) Muito forte    ( ) Forte ( ) Médio ( ) Pouco ( ) Inexistente

 5                        4             3               2               0

7 - "Em minha relação com outros irmãos tenho dificuldade de aceitar um pensamento divergente do meu, mesmo que o tal não fira os princípios essenciais da fé cristã. No fundo, não consigo manter comunhão profunda com quem pensa diferente de mim. É, como se o pensamento dela desqualificasse-a para se relacionar comigo, assim, acabo por excluí-la do meu rol de amizades". Este sintoma em sua vida é (CONSULTE SEU CÔNJUGE OU AMIGO):

( ) Muito forte    ( ) Forte ( ) Médio ( ) Pouco ( ) Inexistente

 5                        4             3               2              0

8 - "Por mais que eu negue ou lute contra, dentro de mim reconheço o sentimento de inveja das pessoas  ou de algum ministério bem sucedido. Por vezes, até me irrito com Deus pelo que Ele está fazendo na vida delas". Este sintoma em sua vida é:

( ) Muito forte    ( ) Forte ( ) Médio ( ) Pouco ( ) Inexistente

 5                        4             3               2               0

9 - "Eu tenho dificuldade de ver e sentir Deus como Pai. É possível que, em minha oração, eu o chamo mais de Senhor. Talvez até fale mais com Jesus do que com o Pai. Em verdade, acho que me vejo mais como servo do que filho. Enfim, reconheço minha dificuldade de ter intimidade com o Pai". Este sintoma em sua vida é:

( ) Muito forte    ( ) Forte ( ) Médio ( ) Pouco ( ) Inexistente

 5                        4             3               2               0

10 - "Eu já fui bem mais alegre em minha vida cristã. Reconheço que minha 'religiosidade' me deixou mais sério, carrancudo e áspero, principalmente no trato com as pessoas. Confundi ser 'cheio do Espírito' com 'cara feia'". Este sintoma em sua vida é (CONSULTE SEU CÔNJUGE OU AMIGO):

( ) Muito forte     ( ) Forte ( ) Médio ( ) Pouco ( ) Inexistente

 5                         4             3               2              0

11 - "Confesso que atualmente o meu período devocional (oração, leitura da Bíblia) acontece mais para cumprir um ritual diário (que a minha consciência cobra) do que pelo prazer intenso da comunhão com Deus". Este sintoma em sua vida é:

( ) Muito forte    ( ) Forte ( ) Médio ( ) Pouco ( ) Inexistente

 5                        4             3               2              0

12 - "Dentro de mim, muitas vezes me vejo achando Deus injusto e rígido demais comigo. Suspeito que guarde raiva dele". Este sintoma em sua vida é:

( ) Muito forte    ( ) Forte ( ) Médio ( ) Pouco ( ) Inexistente

 5                        4             3               2              0

13 - "Me vejo sozinho e com sérias dificuldades em ter relacionamentos profundos. É como se eu quisesse sempre me manter na superficialidade. Não tenho amigos íntimos, com quem eu possa falar de tudo que sinto e penso". Este sintoma em sua vida é (CONSULTE SEU CÔNJUGE OU AMIGO):

( ) Muito forte    ( ) Forte ( ) Médio ( ) Pouco ( ) Inexistente

 5                        4             3               2              0

14 - "No fundo não compreendo a graça divina ou o que chamamos de amor incondicional. O que sinto é que Deus me abençoa ou gosta de mim por causa do meu comportamento ou performance espiritual. Se eu não estiver a altura de suas exigências, perderei o seu amor e todas as suas bênçãos". Este sintoma em sua vida é:

( ) Muito forte ( ) Forte ( ) Médio ( ) Pouco ( ) Inexistente

 5                      4            3             2              0

15 - "Eu argumento muito até aceitar meus erros. Tenho dificuldades de atender à apelos para reconhecer e me arrepender dos meus erros. Não costumo chorar por minhas falhas, limitações e pecados, mesmo quando tudo isso me faz sofrer e também aos meus familiares e amigos. Creio que me tornei duro de coração. Quando sou confrontado, geralmente transfiro minha responsabilidade". Este sintoma em suavida é (CONSULTE SEU CÔNJUGE OU AMIGO):

( ) Muito forte    ( ) Forte ( ) Médio  ( ) Pouco  ( ) Inexistente

 5                        4             3               2              0

16 - "Tenho muita dificuldade em ser transparente com os outros. Não consigo demonstrar meus sentimentos e opiniões. Gosto sempre de parecer mais espiritual do que de fato sou. Tenho muitos chavões bíblicos decorados, mas no fundo, o meu desejo é esconder minhas fraquezas, dores e debilidades, ou seja, quem de fato eu sou". Este sintoma em sua vida é:

( ) Muito forte ( ) Forte ( ) Médio ( ) Pouco ( ) Inexistente

 5                        4             3               2               0

17 - "A minha rigidez de pensamento e doutrinária por vezes é tão severa, que acabo ferindo as pessoas e muitas vezes até familiares próximos. Honestamente, acho que dentro de mim as 'leis' valem mais do que as 'pessoas'. Tornei-me amante de minha doutrina, mas esqueci-me das pessoas". Este sintoma em sua vida é (CONSULTE SEU CÔNJUGE OU AMIGO):

( ) Muito forte ( ) Forte ( ) Médio ( ) Pouco ( ) Inexistente

 5                        4             3               2               0

18 - "Acabei me tornando orgulhoso, confiando muito na minha santidade, no meu jejum, oração e na minha justiça. Comumente, olho os outros com certo desdém (embora, eles não saibam), principalmente, ao observar seus erros e debilidades. Quando sou questionado sobre qualquer êxito em minha vida ouministério, no fundo, tributo tudo isso ao preço que EU pago e não à misericórdia e graça de Deus. Honestamente, tornei-me orgulhoso à semelhança dos fariseus de Lucas 18:9-14". Este sintoma em sua vida é (CONSULTE SEU CÔNJUGE OU AMIGO):

( ) Muito forte   ( ) Forte  ( ) Médio ( ) Pouco ( ) Inexistente

 5                        4             3               2              0

19 - "Sou alguém irado e quase sempre tenho problemas em agredir as pessoas com palavras, devido ao meu alto senso de justiça e perfeição. Creio ter-me tornado agressivo". Este sintoma em sua vida é (CONSULTE SEU CÔNJUGE OU AMIGO):

( ) Muito forte   ( ) Forte   ( ) Médio  ( ) Pouco  ( ) Inexistente

 5                        4             3               2               0

20 - "Embora eu saiba que o pecado sexual é uma obra da carne, na qual todos nós soframos constante pressão, confesso que há algum tempo venho sendo pressionado excessivamente nesta área. Quanto mais solitário e moralmente meticuloso me torno, mais sou tentado no pecado sexual". Este sintoma em sua vida é:

( ) Muito forte ( ) Forte ( ) Médio ( ) Pouco ( ) Inexistente

 5                        4             3               2               0

 

Resultado:

90 a 100 pontos Excessiva contaminação

70 a 89 pontos Forte contaminação

50 a 69 pontos Média contaminação

30 a 49 pontos Pouca contaminação

0 a 29 pontos Quase inexistente contaminação

Minha pontuação total foi: ________________

 

Lembre-se: a mudança é gradual. Espere seis meses, e faça de novo este teste, pedindo que as mesmas pessoas que o avaliaram antes, o façam uma vez mais. Espero então que você possa ver o resultado do seu crescimento, através da ação graciosa do nosso Deus em sua vida!

 

Obra consultada, Alcione Emerich. Contaminação Espiritual




(21)98232-3994

Hora Certa
No Ar
ADORACÃO
Peça sua Música

  • Neuza
    Cidade: Rocinha rj
    Música: Esforça- Te ,Don e Stephanie zanandrais
  • Celio Brito de Oliveira
    Cidade: rio de janeiro
    Música: me leva ao deserto
  • Patricia
    Cidade: Rio de janeiro
    Música: aleluia - Gabriela Rocha
  • Ricardo Mariano
    Cidade: Rio de Janeiro
    Música: Rendido Estou - Aline Barros
  • Ricardo Mariano
    Cidade: Rio de Janeiro
    Música: Tetelestai - Diante do Trono
  • Ricardo Mariano
    Cidade: Rio de Janeiro
    Música: Rio de Janeiro
Publicidade Lateral
Bate Papo

Digite seu NOME:


Depoimentos


Sem Depoimentos no momento
Estatísticas
Visitas: 13022 Usuários Online: 11


Copyright (c) 2017 - Rádio PIB Rocinha - Todos os direitos reservados